5 brincadeiras antigas para ensinar para as crianças

5 brincadeiras antigas para ensinar para as crianças

Novo
Por Babysits, 4 minutos de leitura

Está cansado de ver o seu filho na frente das telas o dia todo? Que tal ensiná-lo brincadeiras antigas que você costumava brincar e aproveitar mais momentos em família?

As brincadeiras antigas eram praticamente todas na rua, ao ar livre e coletivas. Nós precisávamos dos nossos amigos para fazer a brincadeira acontecer e na maioria das vezes alguma atividade física estava envolvida. Hoje vamos dar dicas de cinco brincadeiras ao ar livre que você pode ensinar para o seu filho para ter um momento de diversão em família.

1. Passa-anel

A brincadeira precisa de pelo menos quatro pessoas, mas quanto mais gente, mais legal e divertida fica. Uma delas vai ser responsável por passar o anel e as outras formarão uma fila uma ao lado da outra pra receber o anel. Quem está na fila deve ficar com as mãos encostadas uma na outra e semiabertas.

Você pode usar qualquer objeto pequeno que caiba nas mãos da criança e não dê pra ser visto entre os dedos, não precisa necessariamente ser um anel. Depois que todos estiverem em fila, quem ficou responsável por passar o anel, vai passando na mão de cada um, deixa o anel com alguém e escolhe outra pessoa para adivinhar com quem está o anel.

Quem não conseguir adivinhar sai da brincadeira e se a pessoa escolhida adivinhar, quem sai é quem passou o anel. Por isso, quanto mais gente tiver, mais legal será a brincadeira, porque ela pode continuar com a saída dos outros, se tiver pouca gente, tem que começar do começo muitas vezes.

2. Pular corda

Nem precisa explicar muito essa brincadeira. Pular corda é muito bom e ainda gasta bastante energia, mas é preciso primeiro ensinar a criança como fazer para que ela não tropece na corda e se machuque. Existem muitas músicas que podem ser cantadas ao pular corda para tornar a brincadeira mais divertida e difícil, como esta:

*Um homem bateu em minha porta E eu abri Senhoras e senhores, põe a mão no chão Senhoras e senhores, pule de um pé só Senhoras e senhores, dê uma rodadinha E vá pro olho da rua Ra, re, ri, ro, rua

3. Telefone sem fio

Essa brincadeira antiga é muito divertida e engraçada e assim como no passa-anel, quanto mais gente, melhor. Todos os participantes devem fazer uma fila e ficarem lado a lado.

O participante que estiver em uma das pontas da fila inventa uma frase para falar no ouvido de quem está do seu lado. E esta pessoa tem que falar no ouvido de quem está do lado dela e assim sucessivamente até chegar a última pessoa da fileira. Esta última pessoa deve falar em voz alta qual era a frase.

É muito engraçado porque na maioria das vezes o que chega para a última pessoa é completamente diferente do que a primeira pessoa falou e todos ficam tentando descobrir onde a mensagem se perdeu.

4. Dança das cadeiras

Essa brincadeira estimula a coordenação motora das crianças, pois elas devem ficar atentas à música e também serem rápidas para conseguir se sentar. É preciso pelo menos três pessoas e cadeiras em número inferior a quantidade de pessoas, por exemplo, se tem três pessoas brincando, deve haver somente duas cadeiras.

Uma música começa a tocar e os participantes devem ficar dançando a música e andando em círculos em volta das cadeiras. Quando a música para, todos devem se sentar, mas como tem uma cadeira a menos, uma pessoa não vai conseguir se sentar e será eliminada. Depois disso, uma cadeira é retirada e a música continua, até que fique apenas uma pessoa vencedora.

5. Vivo ou morto

Nessa brincadeira as crianças devem ficar atentas às instruções. Alguém deve ficar responsável por dar o comando e o restante deve fazer o que é pedido. A pessoa no comando deve falar "vivo" ou "morto'', quando ela fala "vivo", todo mundo deve ficar em pé, quando fala "morto", todos devem se agachar e quem errar sai. A brincadeira termina quando sobrar apenas um vencedor.

As brincadeiras antigas que nós ou os nossos pais costumavam brincar não envolvem telas de computadores ou celulares porque isso nem existia quando a gente era criança, não é mesmo? O melhor de ensinar essas brincadeiras para as crianças é que você pode ajudá-las a equilibrar os seus momentos de lazer entre as telas e o ar livre, incentivando também a interação com outras crianças, especialmente neste mês tão especial para elas, o mês das crianças. O que você achou das nossas ideias de brincadeiras antigas para ensinar às crianças? Caso coloque alguma delas em prática, não deixe de nos marcar em @babysitsbr.